Hemangioma

Dr. Stéfano Gonçalves Jorge

   Hemangiomas são os tumores benignos mais comuns encontrados no fígado. São comuns, aparecem em cerca de 5% dos exames de imagem (ultrassonografia, tomografia e outros), principalmente em mulheres a partir dos 30 anos. Geralmente são pequenos, não causam sintomas, não causam nenhum problema ao organismo e não precisam de nenhum tratamento.

hemangioma-infantil-cabeca-0519-1400x800

Já viu manchas vermelhas de nascença em bebês, que tendem a desaparecer com o tempo mas podem permanecer por toda a vida ? São hemangiomas, localizados na pele. No fígado, ao contrário da pele, os hemangiomas podem aparecer após décadas em exames de rotina, mas a grande maioria não causa nenhum sintoma.

   Os hemangiomas surgem a partir de pequenos defeitos congênitos (de nascimento) e vão crescendo lentamente com a idade. Para explicar de modo simplificado, são pequenos novelos de veias, que vão inchando com o tempo. Por volta dos 30 anos já alcançam tamanho suficiente para ser detectados em exames de rotina, principalmente ultrassonografias e tomografias, e assustam muita gente sem necessidade.

imagem-anticoncepcional

Hemangiomas são muito mais comuns em mulheres (são cinco vezes mais comuns do que em homens) e podem crescer durante a gravidez, mas não têm nenhuma relação com o uso de anticoncepcionais ou outros hormônios e não representam risco para a gestação. Não há necessidade, portanto, de interromper a pílula ou de tirar o DIU.

SINTOMAS

   A grande maioria dos hemangiomas não causa nenhum sintoma. Eles geralmente são únicos ou em pequena quantidade e menores que 4 cm de diâmetro. Quando são maiores de 10 cm são chamados de hemangiomas “gigantes” e podem causar sintomas apertando órgãos vizinho (especialmente o estômago) ou causar sensação de “peso” do lado direito. Sintomas em pessoas com hemangiomas pequenos muito provavelmente não têm nenhuma relação com o hemangioma em si e o nódulo foi descoberto por acaso durante a investigação.

   Existe